2ª Via da Carteira de Identidade

Forma de Atendimento:

Parcialmente na Web

Quanto custa:

Verifique o custo da 2ª Via e 2ª Via Rápida no site do IIPR.

Verifique também os casos de isenção de custos.

O que é

A 2ª via do Registro Geral (RG), documento conhecido como Carteira de Identidade, deve ser solicitada se você perdeu ou teve a sua via original roubada. A 2ª via tem a mesma legitimidade que a 1ª, ou seja, é válida em todo o país e serve para confirmar a identidade de um cidadão nascido e registrado no Brasil; de um cidadão nascido no exterior, filho de brasileiros; ou de portugueses que possuam Igualdade de Direitos. É necessária para a solicitação de outros documentos e, ainda, substitui visto e passaporte para viagens a países da América do Sul: Argentina, Paraguai, Uruguai, Chile, Bolívia, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela.

Como solicitar

A solicitação da 2ª via da Carteira de Identidade é feita de forma presencial nos Postos de Identificação do Paraná. Antes de solicitar, é necessário agendar o atendimento. Para comodidade do cidadão e agilidade do serviço, o agendamento é feito pela internet, no site do Instituto de Identificação. Dessa forma, podem ser escolhidos a data, o horário e o posto mais convenientes. Idosos com idade igual ou superior a 60 anos, gestantes, lactantes, pessoas com deficiência ou com crianças de colo e obesos têm prioridade no atendimento, de acordo com a Lei 10.048/2000. A Guia para Pagamento da taxa da 2ª via da Carteira de Identidade será emitida somente no momento do atendimento; e o pagamento é posterior a ele.

ATENÇÃO! Dependendo da data da emissão da 1ª via, não será necessário levar seus documentos a um dos postos do Instituto de Identificação do Paraná. Nesse caso, você terá apenas que retirar sua 2ª via Rápida em um posto de atendimento. Para saber se é necessário levá-los ou não, visite o site do Instituto de Identificação do Paraná.

Prazo

De 5 a 20 dias, dependendo do posto em que será realizado o atendimento. A 2ª via pode ser retirada no local onde foi feita a solicitação.

O que diz a Lei

Lei nº 10.048, de 8 de novembro de 2000

Quem precisa contratar profissionais para cargos que exigem confiança, como transportar valores, cuidar de idosos ou crianças, por exemplo, pode pedir o documento ao candidato. Essa exigência, de acordo com o Tribunal Superior do Trabalho (TST), é direito do contratante.

São isentos da Taxa de Segurança os atos e documentos relativos a finalidades escolares, militares e eleitorais, à situação funcional dos servidores públicos em geral (ativos ou inativos) e ao interesse de pessoas comprovadamente pobres.

ATENÇÃO! Nos casos de isenção da taxa, o requerente deve comparecer pessoalmente em qualquer Posto de Atendimento do Instituto de Identificação do Paraná, munido dos documentos que comprovem a necessidade do não pagamento e de documento com foto.